Origem da Agricultura

Existem várias versões sobre a origem da agricultura, uma delas nos conta que há aproximadamente doze mil anos atrás, no período pré-histórico, povos conhecidos como caçador-coletores prestaram atenção em determinados grãos que, ao serem coletados com o intuito de alimentação, poderiam ser novamente enterrados, ou seja, semeados com a finalidade de produção de plantas novas e idênticas as que lhe deram origem. Esta simples prática permitiu que houvesse um aumento na oferta de alimentos para estas pessoas. Então teve inicio o plantio com a finalidade de prover as necessidades alimentícias das pessoas. As plantas passaram a serem cultivadas bem próximas umas das outras, desta forma facilitando a sua colheita assim que os frutos estivessem maduros, permitindo desta forma uma produtividade maior de cultivo de plantas do que em seu habitat original.

História da Agricultura

História da Agricultura

Benefícios

Com esta nova realidade, foram sendo evitadas as perigosas e frequentes buscas por alimentos e com o passar do tempo o que eram apenas grãos selvagens começaram a passar por uma espécie de seleção onde eram escolhidos os grãos de acordo com os interesses dos primeiros agricultores, entre esses interesses destacamos o tamanho, a produtividade, o sabor, etc. Desta forma foi que teve inicio o cultivo de plantas domesticadas, sendo que entre elas estavam incluídas a cevada e o trigo.

Os períodos

O começo da agricultura direcionada de acordo com os interesses do povo é um marco de separação entre o período neolítico e seu período imediatamente anterior, denominado a idade da pedra lascada. Este período antecedeu a escrita, por este motivo é que existem muitas duvidas e versões diversas sobre a agricultura e seus primórdios, mas se pode admitir que a agricultura nestes moldes, surgiu ao redor do mundo em diversos locais diferentes, possivelmente em várzeas fluviais e nos vales onde habitam civilizações muito antigas.

Origem da Agricultura

Origem da Agricultura

Alguns registros

No período neolítico haviam áreas agrícolas localizadas em vales nos rios Nilo do Egito, nos rios Eufrates e Tigre na Mesopotâmia que hoje é o Iraque e nos rios Azul e Amarelo na China. Existem registros de cultivo em no mínimo três regiões distintas do planeta em épocas também distintas: na Mesopotâmia, na América Central e na China e Índia em suas bacias hidrográficas.

Plantação

Plantação

Aglomerações populacionais

O advento da agricultura permitiu a humanidade se aglomerar em locais específicos com uma grande densidade populacional, o que não poderia ocorrer por povos sustentados somente pela caça e pela coleta. Sendo assim ocorreu uma gradual transição onde a economia de coleta e caça passou a coexistir com o advento da economia agrícola, sendo que algumas culturas ocorriam por deliberação de plantio enquanto outros alimentos ainda eram obtidos diretamente da natureza, ou seja, eram apenas colhidos. A agricultura é capaz de produzir alimentos tanto para os seres humanos quanto para os animais de estimação, pode-se cultivar flores, plantas ornamentais, fertilizantes, etc.

4 comentários

  1. essa publicação está excelente, um texto curto e bem explicativo, uma ótima fonte de pesquisa.

  2. Rafael Dourado Carvalho

    perfeito… sem sombra de duvidas ajudara muita gente

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>