Tundra

Tundra é um bioma característico das regiões mais frias do mundo, dividindo-se em dois tipos, a Tundra Alpina e a Tundra Ártica. A designação “Tundra” é derivada de “Tunturia” uma palavra finlandesa que quer dizer “planície sem árvores”, definindo claramente as características desse bioma.

Tundra

Tundra

Características da Tundra

A Tundra é o bioma característico das regiões mais frias da terra, ou seja, é o conjunto formado pelo tipo de vegetação, fauna, clima e demais condições ambientais existentes nessas regiões. A tundra é o bioma que registra as temperaturas mais baixas na terra, e é encontrado nas regiões da Sibéria, Finlândia, Escandinávia, Suécia, Rússia, Noruega, Groelândia, Norte do Canadá e do Alasca.

A principal característica desse bioma é justamente o de ser uma planície sem árvores, possuindo somente vegetação de estatura baixa, formada predominantemente por ervas, musgos, liquens e arbustos, que nascem e se desenvolvem no período de degelo, quando as temperaturas podem chegar a 10º. O solo da Tundra é bastante peculiar e recebe o nome de “permafrost” que significa sempre gelado, que o define literalmente.

É esse solo sempre gelado que não permite também que a vegetação se desenvolva e crie raízes mais profundas. No bioma da Tundra o clima divide-se em duas estações, o inverno e o verão, sendo que no inverno com temperaturas negativas que variam entre 28 e 34 graus não existe nenhuma espécie vegetal que sobreviva, somente rochas, gelo e terra e algumas poucas espécies de animais.

Fauna

Fauna

Fauna

São poucos os animais que vivem nas regiões de Tundra permanentemente, sendo eles os ursos polares, os lobos árticos e os bois almiscarados na América do Norte. Esses animais desenvolvem adaptações próprias para viverem nesse clima, com pelos espessos, camadas de gordura sob a pele e o hábito de hibernar durante os meses de inverno mais intenso.

Um animal pouco conhecido e que também sobrevive na Tundra é o Pololô que tem o estranho hábito de guardar galhos de vegetais nas cavidades anais e possui dentes grandes o suficiente para perfurar espessas as camadas de gelo em busca do musgo e outros alimentos. Esses estranhos animais possuem pêlos espessos e uma camada de gordura que os protege do frio. Além dessas espécies muitas aves e outras espécies de mamíferos imigram para a Tundra no período do verão local e vão embora junto com o inverno.

Tundra Alpina e Tundra Ártica

A diferença entre as duas espécies de Tundras é o motivo pelo qual elas são tão geladas, ou seja, a Tundra Ártica é fria pela sua latitude enquanto a Tundra Alpina é fria pela sua altitude. Essas diferenças produzem pequenas diversidades nos dois tipos de Tundras, como capacidade de drenagem no solo, e espécies de animais, porém a vegetação é similar. A Tundra Ártica surge  próxima ao pólo norte, recebe pouca chuva e pouca luz. A Tundra Alpina é encontrada em vários países, no topo das montanhas, nela vivem também cabras, marmotas e alces.

Tundra Alpina e Tundra Ártica

Tundra Alpina e Tundra Ártica

Vegetação Tundra: Definição, Ártica e Alpina

Situada nos países do sul do Ártico, caso de Canadá, Escandinávia, Alasca, Groelândia e Sibéria. Em outras palavras, representa as regiões mais próximas do polo norte do planeta Terra. O terreno fica congelado na maior parte do ano. Clima seco e com frio intenso. A vegetação rasteira traz presença quase nula de árvores que não conseguem manter a vida durante as estações frias. Recebe pouca luz, favorecendo no excesso de líquens e musgos. As constantes luzes solares permitem com que a vegetação evolua, alimentando animais e evoluindo a fauna.

Existe ainda a diferença entre tundra ártica e alpina. O primeiro exemplo representa a principal parte, cujo solo não consegue absorver a água para desenvolvimento de árvores ou espécies de plantas com raízes longas. A alpina acontece no topo das montanhas que trazem o frio mais conhecido pelo homem neste mundo.~

Aspectos Básicos da Vegetação Tundra

Ervas, líquens, musgos e arbustos baixos são marcas vegetativa da Tundra em consequência dos fortes fatores climáticos característicos para a evolução destas espécies. Plantas e árvores com raízes longas não podem sobreviver porque o subsolo está congelado. O crescimento vegetativo acontece com lentidão em consequência do ritmo baixa da decomposição de matérias orgânicas.

Os tipos líquens são plantas que resultam da ligação entre algas e fungos. Crescem de forma lenta e ganham extraordinária resistência contra a falta de água, sobrevivendo inclusive em ambientes hostis.

Crescer junto ao solo e no formato maciço representou a saída à adaptação das plantas em evitar estragos por causa do ar frio e ventos fortes compostos nas regiões com esta vegetação. As folhas pequenas auxiliando para reter a umidade.

Vegetação Tundra

Vegetação Tundra

Nos invernos, entre as longas horas de escuridão a neve cai com intensa velocidade, acumulando em pontos distintos por causa da alta incidência de ventos fortes, principalmente nas regiões baixas. Fato que obriga aos animais da mesma espécie permanecer juntos ao solo para manter a temperatura quente, saindo somente algumas vezes para buscar alimento.

Em alguns momentos raros o solo consegue manter vivas árvores pequenas, praticamente anãs. A paisagem tem aspecto monótono, ou seja, poucas variações vegetais ou naturais, somente o imenso branco e plano.  Na prática, a tundra representa vegetação provinda do material orgânico que surge em poucos momentos de degelos.

Tundra Alpina

Pode ser encontrada em nações geladas montanhosas. Além de trazer frio intenso, também não apresenta nenhuma espécie de árvore. Vale ressaltar que ao contrário da tundra ártica, consegue apresentar drenagem qualitativa. Situada ao topo das montanhas na grande parte dos países com este tipo de vegetação.

Clima na Vegetação Tundra

Verões curtos com dias longos, essência do clima quente presente na vegetação tundra. Média climática anual entre oito e menos quatro graus Célsius. Na noite a neve cai com maior força e se acumula por causa dos fortes ventos. Animais ficam junto ao solo para procurar alimentação e aquecimento. A maior parte do ano traz escuridão e frio acima da média apreciada pela maioria dos seres humanos.

Mesmo apresentando precipitações pequenas a vegetação traz solo encharcado e úmido, visto que a evaporação da água acontece de forma lenta pelos fracos raios de sol e drenagem do solo considerada de nível mínimo. O dia pode durar 24h durante no verão de dois meses existente na região. A superfície do solo somente descongela quando a temperatura excede a casa dos doze graus Célsius.

No verão existem áreas que ficam com imagem diferente da existente na maior parte do ano, com vegetação rasteira desenvolvida e alguns riachos que resultam da não absorção da água derretida. Quando acontece o florescimento muitos animais migram às tundras em busca de alimentos.

Diferença entre Tundra Ártica e Alpina?

Considerado como bioma mais frio de todo o planeta Terra, representa grande planície sem árvores. Os cientistas consideram existir dois tipos de tundras: Ártica e Alpina. No primeiro tipo a causa está na localização geográfica e latitude enquanto que o segundo tipo traz sensações térmicas geladas por estar distante da superfície do globo terrestre. Embora ambas sejam parecidas, as alpinas traz como particularidade melhor capacidade de drenar o solo.

Fauna da Tundra

Interessante notar que mesmo com o descongelamento a água não consegue ser filtrada por completo, culminando na formação de pequenos pântanos. A vegetação se desenvolve em consequência do dia permanente, mesmo com o frio intenso. Animais herbívoros podem formar nichos ecológicos sem maiores problemas: Renas, lebres árticas, bois almiscarados, entre outros.

A cadeia alimentar evolui com a presença de espécies carnívoras que se alimentam basicamente dos herbívoros: Lobos, raposas e arminhos. Ursos estão presentes com constância por causa da pele capaz de manter o corpo aquecido nos invernos intensos. Perdizes e corujas formam as classes aves comuns na fauna tundra.

Grande parte dos animais das tundras é mamífera, inclusive as aves que costuma a utilizar a região nos dois meses existentes do verão, migrando para regiões no extenso e intenso inverno. Os animais desenvolveram adaptações próprias para resistir o corpo contra temperaturas frias, com diversas camadas de gordura protendo a pele com auxílio dos pelos espessos. Quase todas as espécies hibernam, ou seja, se entocam em cavernas ou tocas para entrar em sono profundo causador de entorpecimento local ou parcial do organismo.

Os bois almiscarados têm duas camadas de pelos. Traz cascos duros que auxilia na destruição do gelo para consumo da água. A lebre ártica também pode ser exemplifica por causa da mudança nas cores do pelo no inverno para ajudar na camuflagem. Na vegetação tundra quase não existem répteis e anfíbios em consequência das temperaturas baixas. Alces, marmotas, cabras da montanha, gafanhotos, escaravelhos e borboletas são outros animais que podem ser encontrados facilmente.

Vídeos sobre a Tundra

Imagem de Amostra do You Tube

Documentário de três minutos e meio a respeito da vegetação Tundra, considerada como conjunto de regiões mais frias do mundo. Conta com inclusive com imagens ilustrativas para auxiliar na compreensão dos internautas. São apresentadas inclusive algumas espécies de animais típicos dos locais, como o admirado urso polar.

Imagem de Amostra do You Tube

Vídeo que demonstra os principais tipos de vegetação presente no bioma antártico. Traz belas imagens de cenários congelados e animais que vivem no local.

Posts Relacionados

Depois de saber o que é tundra, confira nossos posts com informações sobre o clima polar, saiba mais sobre os animais que compõem a fauna da tundra e suas curiosidades.

12 comentários

  1. obg!!!!!vcs me ajudaram bastante,bjs!!!!!!!!!!!!!!!!!!1

  2. vc nao é boiola nao é nao

  3. obrigado esse site me ajudou na tarefa de geografia muito obrigado mesmo …

  4. aau au aau au aaua au au au auu auubaauu aau aauu au q legal q legal qq leaal

  5. muito interessante as informaçoes contidas nesse site, me ajudou batante a compreender o assunto de biologia ;)

  6. Obrigado pela ajuda.

  7. Muito bom, obrigado pela grande contribuição.

  8. Mim ajudou muito obg!!!!!!!!!

  9. modesto acacio nicua

    muito obrigado…

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>