Turismo de Vida Selvagem

A Magia da Vida Selvagem

Um tipo de turismo que tem crescido bastante nos últimos anos é o chamado turismo de vida selvagem. As pessoas têm buscado por destinos mais exóticos e com mais possibilidades de ver de perto animais e vegetação que não fazem parte da sua realidade.

A vida selvagem pode ser definida de uma maneira mais simples como todos os vegetais, animais e organismos não-domesticados. Os organismos domesticados são aqueles que foram adaptados para que vivessem com a ajuda e sob o controle do ser humano. Logo um ambiente não-domesticado se refere a um local em que não existem adaptações, ou seja, a vida animal e vegetal transcorre de maneira livre.

Observar de perto ambientes que não passaram por muitas modificações pelo homem e nos quais os animais ainda vivem como viviam há milhares de anos é algo que desperta a curiosidade de muitos turistas que pagam valores relativamente elevados para fazer passeios.

A Vida Selvagem de Algarve

O Algarve é uma região, sub-região e uma província que tem bastante destaque em Portugal, fica no continente. Essa é a região turística mais importante de Portugal e até mesmo uma das mais importantes da Europa. Um dos destaques é o seu clima temperado mediterrânico que tem invernos curtos e verões bastante extensos com um clima quente e seco.

As paisagens naturais do Algarve atraem uma grande leva de turistas todos os anos. Pessoas de todo o mundo vão a Portugal para conhecer um pouco mais da vida selvagem que está nessa região. Para se ter uma ideia o Algarve é a terceira região mais rica de Portugal atualmente, ficando atrás de Lisboa e Madeira.

A Natureza de Algarve

O clima de Algarve é quase uma exceção na Europa já que nesse ponto de Portugal é possível encontrar um clima quente, mas ameno em boa parte do ano. As condições de sol abundante e chuvas brandas tornam o Algarve o lugar ideal para que surjam espécies de plantas e animais. Boa parte da fauna e da flora dessa região tem sons, cores e aromas diferenciados o que faz com que as pessoas se sintam ainda mais próximas da natureza.

Um dos destaques mais bonitos da região do Algarve são os seus caminhos floridos. Nos solos calcários e pedregosos do Barrocal é possível encontrar orquídeas selvagens, flores de cores não vistas em outros lugares, árvores que estão ali há séculos e espaços em que os animais encontram refúgios e fazem os seus ninhos.

Observação de Espécies no Algarve

Durante todo o ano, em especial na época das migrações, é possível observar uma grande concentração de espécies, muitas delas raras ou que estão quase extintas, se preparando para a migração. É possível observar todo o processo de preparação dessas espécies para fazer a migração.

Uma dica é visitar a região em outubro, pois nessa fase um sem número de aves de rapina estão rumando a terras mais quentes. Assim é possível ver no céu um verdadeiro show de Gaviões, Falcões, Águias Calçadas, Águias Cobreiras e até Abutres do Egito que fazem um espetáculo aéreo sem igual.

O Que Observar no Algarve

Além da fauna, a flora do Algarve também se destaca pelo fato de ser composta por uma grande variedade de espécimes que tem interesse culinário ou medicinal. Quem visita esse ponto de turismo selvagem em Portugal pode observar animais e aves realizando as suas atividades normais na natureza.

Os turistas podem aproveitar os passeios que são promovidos por associações ambientalistas que tornam os passeios por esse patrimônio da natureza muito mais ricos em experiências. Um lugar muito interessante para quem é amante da vida selvagem.

Bonito – O Turismo de Vida Selvagem no Brasil

O município de Bonito, no estado do Mato Grosso do Sul, é um pólo turístico de nível mundial no segmento de turismo de vida selvagem. Dentre os principais atrativos desse município estão as águas transparentes das suas cachoeiras, as suas belas grutas, as cavernas e as dolinas.

Junto com outras cidades como Guia Lopes da Laguna, Jardim e Bodoquena, Bonito, integra complexo turístico do Parque Nacional da Serra da Bodoquena. Recentemente a região passou por extensas obras de saneamento para se tornar ainda mais atrativa.

Turismo em Bonito – Base Comunitária

O turismo na cidade de Bonito é de base comunitária e o turista pode adquirir um voucher quando chega a cidade para poder visitar a maior parte dos pontos de turismo locais. Basicamente o turista chega a cidade e vai a uma das agências de turismo para comprar esse voucher de maneira que pode visitar tudo o que cidade oferece.

O sistema desse turismo consiste numa rede de cooperação mútua que foi criada por um empresário local e que foi aceita pelo poder público municipal. Com esse voucher se tornou possível para o município fazer um melhor controle da entrada dos turistas e também ajudou a organizar melhor todo o processo melhorando os passeios que são ofertados.

Bonito é a principal cidade turística da região da Serra da Bodoquena e tem no turismo a sua principal atividade econômica. O destaque do turismo em Bonito vai para o ecoturismo que visa sempre manter a sustentabilidade e a conservação do meio ambiente. Para manter tudo bem organizado a cidade tem o seu próprio gestor do turismo o Bonito Convention & Visitors Bureau responsável por gerenciais mais de 30 opções de turismo na região.

Turismo de Vida Selvagem na África

Não tem como pensar em turismo de vida selvagem e não pensar nos safáris na África, não é mesmo? Um continente rico em savanas e florestas equatoriais que nos oferecem a possibilidade de conhecer de perto aproximadamente 45 espécies de primatas dentre os quais estão chimpanzés e gorilas.

Também tem mais de 60 espécies de predadores carnívoros como os temidos leões, leopardos, chitas, cães selvagens, hienas, chacais, raposas entre outros. Os animais que são encontrados na África são vitais para que haja a manutenção do equilíbrio ecológico. As espécies de animais herbívoros também podem ser avistados em passeios turísticos pela África como peixes, aves e répteis.

Gostou? Curta e Compartilhe!

Categoria(s) do artigo:
Ecologia

Artigos Relacionados


Artigos populares

Comentários

  • QUE BUEN ARTICULO. IMAGENES PERFECTAS

    CLAUDIA 25 de Março de 2014 23:51

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *