Terremotos no Brasil

Acontecimentos

Devido ao terremoto que aconteceu no Chile no dia 27 de fevereiro deste ano, este assunto ficou em pauta, e o medo de que ocorra uma catástrofe no Brasil aumentou. Por muito tempo, acreditou-se que o Brasil estava a salvo de terremotos, pois o país não se encontrava sobre as bordas das placas tectônicas, principais causas dos abalos. Mas não se deve ignorar a possibilidade de tremores mais intensos, pois o planeta é dinâmico e está em constante transformação. Os abalos sísmicos podem emergir a qualquer instante e lugar, dessa forma não se deve descartar a possibilidade de ocorrer tremores com grandes conseqüências em um centro urbano.

Terremotos no Brasil

Atualmente o brasileiro já tem se deparado com algumas catástrofes climáticas, como furações e enchentes, mas em matéria de tremores ainda não estão preparados. Os tremores podem ocorrer nas regiões denominadas “intraplacas”, nessas regiões os tremores são mais suaves, que praticamente não se sente, pois não atingem nem 4,5 graus de magnitude na escala Richter, que é o mínimo. Esses tremores, mesmo que pequenos, só existem devido a pequenas rachaduras causadas pelo desgaste da plana tectônica e também por reflexos de terremotos em outros países da America latina. Os tremores de terra no Brasil só começaram a ser detectados com precisão no final da década de 60, em 1968, quando se instalou uma rede mundial de sismologia.

Vulcões

Em 2010 há cerca de 40 estações sismográficas no país. Mas há indícios que existam abalos sísmicos no país desde o início do século 20. De acordo com informações do Mapa tectônico do Brasil, em nosso país existem 48 falhas, nas quais se concentram as ocorrências de terremotos. A partir de análises descobriu-se que as regiões Sudeste e Nordeste, seguida da região Norte e Centro-Oeste, e, por último, a região Sul, são as que apresentam o maior número de falhas. O Nordeste é a região que mais sofre com abalos sísmicos. O segundo ponto de maior índice de abalos sísmicos no Brasil é no estado do Acre. No entanto, mesmo quem mora em outras regiões não deve se sentir imune a esse fenômeno natural. Embora grande parte dos tremores no país seja de pequena magnitude, a história tem mostrado que o fato de nunca ter ocorrido terremotos fortes, não significa que o país está livre de um desastre.

Últimos

O maior terremoto que o país teve já faz mais de 50 anos, na Serra do Tombador, no Mato Grosso e atingiu 6,6 graus na Escala Richter. No fim de 2007, o terremoto que ocorreu na cidade mineira de Itacarambi, derrubou 76 casas, condenou várias outras, e levou a óbito uma criança. Esse abalo foi um dos maiores do Paísl e o primeiro com uma vítima fatal. O tremor teve intensidade de 4,9 graus, e pesquisas revelaram que fazia quatro meses que os tremores ocorriam, e, que provavelmente o causador o terremoto foi uma falha geológica, localizada a cinco quilômetros abaixo da superfície.

10 comentários

  1. muito enteressante !! =]

  2. parabes me ajudou no trabalho

  3. muito obrigado pelo o conhecimento

  4. obrigado pelo 5,0 pontosnaescola

  5. deeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee

  6. muito bom para o trabalho da escola

  7. bom a wrestlemania wwe ta na california sou fã e gostei vou tirar nota 10,10,10

  8. obrigada por posta estas lindas mensagens eu estava deprimida li todas e ja me sinto bem melhor

  9. queria saber em quais regioes isso tudo aconteceu!!!

  10. Alguem de voces estudam na escola werka

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Required fields are marked *

*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>